Maca Peruana e aumento do rendimento esportivo | Blog Hopper Nutrition

Poderoso tubérculo tem propriedades que melhoram função sexual, reduzem fadiga e aumentam a resistência física em atletas.

Maca peruana (Lepidium meyenii Walp), você já deve ter ouvido falar dela. Esse tubérculo, cultivado há mais de 2 mil anos, tem recebido cada vez mais atenção por suas atividades biológicas, como melhora da função sexual, fertilidade e memória. O consumo de maca peruana também vem se mostrando efetivo para a redução da fadiga (condição caracterizada pela incapacidade de realizar o trabalho desejado, induzida pelo exercício), função que vem sendo associada à presença de polissacarídeos.

A suplementação com maca peruana proporciona aumento da resistência física em atletas, como demonstrado por Stone em estudo realizado com atletas de ciclismo, que foram suplementados por 14 dias antes de uma prova, obtendo melhora no tempo de performance. Esse efeito também foi percebido em jogadores de futebol suplementados durante 60 dias com extrato concentrado de maca (500 mg/ dia), protocolo que promoveu um aumento médio de 10,3% do consumo de oxigênio após a administração.

Assim, vale ressaltar que mesmo proporcionando uma melhora discreta, a utilização da maca peruana pode ser promissora para aumentar o rendimento esportivo em atletas, razão pela qual ela tem sido utilizada na composição de produtos voltados a essa finalidade, como o pré-treino Murph da Hopper Nutrition, em ação combinada com outros ingredientes energéticos, termogênicos e neuroestimulantes.

Quer conhecer os efeitos de outros ingredientes utilizados em nossos suplementos? Neste post falamos do gengibre e seus benefícios.

Referências bibliográficas:

Li, J. et al. (2016) Anti-fatigue activity of polysaccharide fractions from Lepidium meyenii Walp. (maca). International Journal of Biological Macromolecules.

Stone M. et al (2009) A pilot investigation into the effect of maca supplementation on physical activity and sexual desire in sportsmen. J Ethnopharmacol. 126(3):574-6. 

Ronceros, G. et al. (2005) Eficacia de la maca fresca (Lepidium meyenii WALP) en el incremento del rendimiento físico de deportistas en altura. An Fac Med. 66(4)269-73.  

Receba novidades no seu e-mail:

Comentários:

Deixe seu comentário!