A importância dos aminoácidos essenciais | Blog Hopper Nutrition

A ingestão adequada de proteínas (e energia) é fundamental para o ganho de massa muscular, tendo em vista que irão fornecer aminoácidos – unidade básica das proteínas, essencial para a síntese de novas proteínas.

Para indivíduos saudáveis, nove aminoácidos são considerados essenciais, ou seja, devem ser consumidos através da alimentação, visto que o nosso organismo não consegue sintetizá-los.

Quais são os 9 aminoácidos essenciais:

• triptofano
• metionina
• lisina
• histidina
• fenilalanina
• treonina
• isoleucina
• valina
• leucina.

Há algumas teorias em torno do consumo desses aminoácidos como um recurso ergogênico. O triptofano, por exemplo é o aminoácido precursor da serotonina e, por isso, poderia auxiliar no aumento a tolerância à dor durante o exercício intenso.

Já a leucina é muito conhecida devido a sua capacidade de ativação da via da mTor (via envolvida na hipertrofia muscular) e juntamente com a isoleucina e a valina, vem sendo utilizada como recurso ergogênico para melhora do desempenho físico e mental ao longo da prática do exercício, como no caso do Hero BCAA.

É possível encontrar os 9 aminoácidos essenciais através da alimentação, porém é importante que seja de forma simultânea. É justamente aí que está a dificuldade, já que nenhum alimento os reúne de uma só vez em quantidade suficiente. É aí que entram os suplementos, que reunem em uma só fórmula as quantidades necessárias.

Para quem pratica atividade física em busca de resultados melhores, os aminoácidos são grandes aliados. Quando são ingeridos da forma adequada, oferecem uma ajuda extra para conquistar um aumento de massa magra, definição e recuperação.

A partir do consumo ideal de aminoácidos, há uma proteção extra das fibras. Para completar, a síntese proteica elevada é o ingrediente secreto para conseguir uma recuperação acelerada. Como resultado, há uma redução das dores e da sensação de fadiga!

Consulte sempre um nutricionista!

Receba novidades no seu e-mail: