O poder dos ingredientes naturais na redução de inflamações musculares | Blog Hopper Nutrition

Seus efeitos no controle de doenças crônicas não transmissíveis já está muito bem estabelecido e, recentemente, a literatura científica vem demonstrando seus efeitos benéficos também em atletas e praticantes de atividades físicas.

A cúrcuma longa ou açafrão-da-terra apresenta em sua composição a curcumina, um polifenol com grande capacidade antioxidante e anti-inflamatória.

Os benefícios que os estudos comprovaram.

Em estudo duplo-cego crossover conduzido por Tanabe e colaboradores (2018), a ingestão de 180 mg/dia por 7 dias antes do exercício (contrações excêntricas isocinéticas máximas) foi capaz de reduzir a secreção de interleucina-8 doze horas após a prática, diminuindo a inflamação muscular aguda. O consumo da mesma quantidade de curcumina nos 7 dias posteriores ao mesmo exercício é capaz de atenuar danos musculares e favorecer uma recuperação mais veloz. Nós falamos em outro post sobre como se recuperar de um treino de esportes de alta intensidade.

Outro estudo randomizado crossover, realizado por Delacroix et al (2017), suplementou jogadores de rúgbi de elite com uma combinação de 2 g de curcumina e 20 mg de piperina (composto presente na Piper nigrum, que aumenta a biodisponibilidade da curcumina) 3 vezes ao dia, 48 h antes e 48 h após exercício para indução de dano muscular. Demonstrou-se que a suplementação é capaz de minimizar o dano a alguns aspectos da função muscular 24 h e 48 h após a realização do exercício.

É importante ressaltar que a manutenção de uma alimentação saudável com a inclusão de ingredientes com potencial anti-inflamatório/antioxidante colabora para a saúde de modo geral.

Para saber mais quais são esses ativos e como incluí-los em sua rotina, procure um(a) nutricionista.

LEIA TAMBÉM: Maca peruana e o aumento do rendimento esportivo

Referências bibliográficas:

Tanabe, Y. et al. (2018) Effects of oral curcumin ingested before or after eccentric exercise on markers of muscle damage and inflammation.  Scand J Med Sci Sports. 29(4): 524-534.

Delacroix, B. et al (2017) Curcumin and piperine supplementation and recovery following exercise induced muscle damage: A randomized controlled trial. Journal of Sports Science and Medicine. 16: 147-153.

Receba novidades no seu e-mail: